Ovos de [i]Pseudochromis aldabraensis[/i] (Mies [i]et al[/i]. 2014, Spawning behaviour and activity in seven species of ornamental dottybacks (Teleostei: Pseudochromidae). [i]Journal of Zoo and Aquarium Research[/i], 2:117-122)Ovos de Pseudochromis aldabraensis (Mies et al. 2014, Spawning behaviour and activity in seven species of ornamental dottybacks (Teleostei: Pseudochromidae). Journal of Zoo and Aquarium Research, 2:117-122)Pseudochromis, assim como peixes-palhaço e donzelas, são peixes desovadores demersais (isto é, a sua desova fica depositada sobre o substrato). No entanto, diferentemente de palhaços e donzelas, seus ovos não ficam aderidos ao substrato. Os Pseudochromidae formam uma massa (contendo até 2.000 ovos) cujos ovos ficam aderidos por filamentos adesivos (“AT” na foto ao lado). Veja uma massa aos 5 dias de vida contendo embriões prestes a eclodir.